Raios V - Engenharia, Assessoria & Consultoria

Como reduzir a níveis toleráveis as tensões de passo e toque no SPDA

Por Raios V em 20/04/2021
Como reduzir a níveis toleráveis as tensões de passo e toque no SPDA

Quando uma descarga atmosférica atinge o subsistema de captação, ele distribui as correntes por meio das descidas, que conduzem a descarga até o solo, para serem dissipadas pelo subsistema de aterramento. A grande questão é que neste local, onde as correntes são injetadas no solo, consequentemente, são gerados potenciais na superfície.

Isto significa que, em caso de tempestades com raios, caso existam pessoas próximas, elas correrão um grande risco de vida, devido às tensões de passo e/ou toque. Com o objetivo de reduzir estas situações perigosas, as descidas e o aterramento devem ser projetados com atenção extra especial.

Os condutores externos (sistema convencional) devem ser distribuídos ao longo de todas as fachadas da edificação, dando preferência para as quinas principais. Sempre tendo o cuidado de evitar a instalação muito próxima a janelas, portas de acesso, portões de garagem, varandas e etc, respeitando a distância de segurança calculada, previamente, no gerenciamento de risco.

Comentários

  • Lorem ipsum dolor, sit amet consectetur adipisicing elit. Accusantium odio, consectetur nobis temporibus corrupti nulla eaque nisi officia eius. Veritatis necessitatibus vel molestias dolores facere!
    Fulano de Tal
    25/04/2019
Aguarde..